segunda-feira, 27 de junho de 2011

Orientação Prof, Heitor Miyazaki


Tenho depressão há seis anos e também diabetes porque o meu filho ficou preso. Tomo remédio, mas não melhoro, o que posso fazer ?
Presenteie o seu filho com o Livro dos Jovens. Agora, tem um detalhe: às vezes eu falo: “dê um livro para seu filho”, e tem muitas mães que falam: “ah, mas ele não vai ler...”; então, pergunto: “mas você já deu o livro?” Não, então, se vai pessimista, já vai para a guerra derrotada, como é que vai conseguir? Tem que pensar: “ele vai ler!”. Faça uma dedicatória assim: “eu confio em você, acredito em você”. É muito importante o filho ler uma mensagem escrita pela mãe desta forma. Depressão e diabetes têm alguma coisa indiretamente ligada. Primeiro, quando as pessoas não manifestam amor aos antepassados, diariamente, e há antepassados que estão em estado depressivo no mundo espiritual...lembram do filme Amor Além da Vida? Quando a mulher morreu, foi parar aonde? Ela não estava num estado depressivo no mundo espiritual, numa casinha que lembrava a casa em que ela morava? Então, se algum descendente capta estas situações, entra em depressão. Por isso é que, quando tem algum suicida na família, alguém acaba entrando em depressão, ou tem tendências suicidas também. Isso porque está captando o pensamento em ilusão e o desespero deste suicida. Por isso é importante o que eu falei. Tem uma ligação? Tem. Faça diariamente a leitura da Sutra Sagrada para os antepassados, no mínimo duas vezes por dia. Agora, a depressão tem duas coisas para corrigir. A depressão se origina do sentimento de culpa, da ideia do pecado, que está em nosso inconsciente. Para eliminar isso, você tem que ter em mente dois factores importantes: Primeiro: pegue o livro A Humanidade é Isenta de Pecado, leia e copie o livro. Tome essa decisão, como se você estivesse na escola: eu vou copiar, no mínimo, duas páginas por dia. E leia várias vezes, ok? Este é o primeiro detalhe. Segundo: Faça caridade. Pessoas que sofrem de depressão precisam ser mais úteis às outras pessoas. Isso vai tirar o sentimento de tristeza, de auto punição, de auto-estima lá em baixo. Quando a pessoa é útil, a auto-estima sobe, ela fica feliz com ela mesma, e a depressão vai embora depressinha.

Sem comentários:

Enviar um comentário